Fique por dentro!

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Destino da semana: Alemanha

Nosso destino essa semana será a Alemanha. Por lá tudo que você encontrará é organização, limpeza, pontualidade (das pessoas, dos transportes públicos, dos eventos), muita história, cultura, museus e uma arquitetura belíssima!

Vamos embarcar nessa? Vamos apresentar algumas cidades e suas atrações!

Munique (München)

Sinônimo de Oktoberfest, Munique é uma das cidades mais visitadas do país. Ela oferece bons museus (Museu da BMW, Antiga Pinacoteca, Glyptothek) e ótimas cervejarias. Indicamos que você vá à cervejaria Weihenstephan e tome uma cerveja por lá. O local é incrível, localizado em um mosteiro antigo, no topo de uma colina e foi fundada em 1040.


Colônia (Köln)

A cidade é bastante grande e indica-se que você planeje pelo menos dois dias para visitação. A principal atração é a Catedral de Colônia que é uma mega construção no estilo gótico e demorou séculos para finalizarem a construção. Acredite se quiser, essa catedral resistiu à Segunda Guerra Mundial e suas bombas, de tão robusta que a construção é. Vale a pena conhecer! Outra coisa, não deixe de caminhar às margens do Rio Reno!


Frankfurt

Um dos pontos turísticos mais procurados é o Römerberg. Destaca-se pelas construções belíssimas e fica situado no centro antigo da cidade. Essa parte de Frankfurt foi bastante destruída durante a guerra, porém reerguida alguns anos depois.
É em Frankfurt também que você pode visitar a casa onde morou Johann Wolfgang von Goethe, uma construção muito luxuosa com memórias do escritor.
Uma dica de alimentação na cidade é o Klosterhof. Um restaurante super tradicional que fui fundado em 1936. Lá você pode experimentar as famosas salsichas com chucrute e de sobremesa pedir as panquecas alemãs doces.



Hamburgo (Hamburg)

Quando visitar Hamburgo não deixe de fazer um passeio de barco, pois essa cidade tem vida às margens do rio e tudo é ligado às águas.
O City Hall fica no centro da cidade e vale a caminhada a pé para observar os detalhes deste prédio incrível. Se você preferir entrar, é possível. Há visitação guiada e, acredite, se você acha que por fora o prédio é bonito, por dentro ele pode lhe surpreender!
E se você está em Hamburgo e é fã dos Beatles, não pense duas vezes antes de fazer o Beatles Tour. O passeio te leva para lugares que a banda tocou antes de fazerem sucesso, mostrando muitos detalhes da trajetória dos Beatles.


Berlim (Berlin)

Se é agito e balada que você procura na Alemanha, Berlim é uma cidade que você não pode deixar de visitar. Indicamos a Balada Tresor Club em Berlim, conhecida como a primeira casa tecno na cidade, Balada Weekend em Berlim, localizada no topo de um prédio, além de muita música boa, essa festa proporciona uma vista incrível.


Além disso, você pode visitar as inúmeras galerias de arte contemporânea e os eventos culturais que a cidade proporciona!


Confira nosso pacote especial para Berlim: http://bit.ly/bex-berlim


O que você não pode deixar de comer !

Chucrute

Podemos encontrar no Brasil também, mas já que está na Alemanha, vale experimentar uma receita original. É ua prato de repolho fermentado bastante famoso na culinária alemã.



Joelho de Porco

Eisbein é como é chamado por lá. É servido frito ou assado e normalmente é servido com chucrute.



Wurst

A salsicha que para os brasileiros não tem nada a ver com salsicha. Ela é bastante saborosa e é feita com carnes nobres. Não é difícil de encontrar na Alemanha, é vendido como cachorro quente em barriquinhas espalhadas pela cidade.



Strudel de Maçã

E para a sobremesa, não pode faltar a torta de maçã original, com canela e passas. É muito popular e bastante saborosa!


Tem mais alguma dica ou ainda tem dúvidas? Deixe um comentário e boa viagem!
Deseja conhecer as opções de pacotes de intercâmbio da BEX? Acesse www.bex.tur.br



sexta-feira, 6 de outubro de 2017

Dicas para quem vai de intercâmbio sozinho

Vai fazer um intercâmbio sozinho? Essa opção é ótima para que você mergulhe de cabeça no idioma e na cultura local. Mas é claro que, ao viajar sozinho é importante ficar atento a alguns detalhes que podem deixar a sua viagem ainda melhor. Pensando nisso, preparamos algumas dicas para ajudar quem vai fazer um intercâmbio sozinho. Confira!


1. Pesquise o destino

Estude bem a cidade e o país que vai visitar. Veja dicas em blogs, sites, revistas e vídeos sobre a cultura, o transporte, os costumes, a segurança, os locais. Faça uma lista de lugares que você quer visitar durante o intercâmbio e pesquise cada um deles, isso te ajuda a se planejar melhor lá e não perder tempo nem dinheiro.

2. Tecnologia a seu favor

Smartphones são um grande facilitador para quem quer colocar o pé na estrada: você pode pesquisar informações sobre trânsito e transporte, ver mapas, conferir a opinião de outras pessoas, conversar com a família, mandar fotos, fazer listas, ver dicas e sugestões, traduzir placas, se distrair enquanto espera numa fila e muito mais. Certifique-se de que o seu celular está habilitado e aproveite locais com wi-fi aberto ou procure uma operadora de celular no seu destino e compre um chip local (SIMcard) e um plano de internet. Não se descuide com o aparelho na rua para não correr o risco de ser roubado.


3. Faça um seguro internacional

Essa dica é obrigatória para qualquer pessoa que deseja viajar, independente do destino, mas é ainda mais importante se você vai viajar sozinho, sem ter um amigo ou parente para te socorrer se preciso. Muita gente acha desnecessário fazer o seguro, mas imprevistos e incidentes acontecem, e você não vai querer ficar sem uma assistência médica em um país diferente, longe de todo mundo que conhece e sem dominar a língua local. Copie os telefones de emergência e leve sempre junto com o cartão do seguro.

4. Monte um kit

Faça um “kit de sobrevivência” com artigos de higiene pessoal, álcool gel, protetor solar, remédios básicos (para gripe, dor de cabeça, entre outros) e aqueles que você já toma sob a orientação médica. Em alguns países não é possível comprar remédios sem prescrição médica, além dos preços que podem ser mais salgados. Assim, você economiza e fica preparado para emergências.


5. Não exagere nas malas

Lembre-se de que você vai estar sozinho; isso significa que não vai ter ajuda para carregar a bagagem. Malas leves facilitam o deslocamento e evitam que cansaço e stress desnecessários. Na hora de fazer as malas, escolha peças versáteis que possam ser combinadas de várias formas.


6. Controle o dinheiro

Estar sozinho também significa que você não vai ter um amigo para emprestar dinheiro em uma emergência ou se gastar mais do que deveria. Por isso, é importante calcular os gastos e quanto você ainda tem disponível para não passar apertado. Evite andar com todo o seu dinheiro para não cair na tentação de fazer gastos desnecessários que comprometam suas finanças e, se possível, tenha uma reserva extra.



Tem mais alguma dica ou ainda tem dúvidas? Deixe um comentário e boa viagem!

Deseja conhecer as opções de pacotes de intercâmbio da BEX? Acesse www.bex.tur.br


quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Destino da semana: Irlanda

Dessa vez, o destino da semana é a Irlanda: terra de verdes pastos, de uma das mais belas e selvagens costas do mar da Europa e de um relaxante ambiente natural. Quem gosta de conhecer lugares com paisagens incríveis e de aproveitar uma viagem tranquila não pode deixar de conferir esse destino da semana.


Um país marcado por uma forte identidade nacional, a Irlanda já foi lar dos celtas e dos vikings, tendo em sua cultura a música tradicional, a língua gaélica e tradições religiosas enraizadas.

Quer conhecer mais sobre a Irlanda, esse destino com características tão próprias e um visual de tirar o fôlego? Então continue a sua leitura e confira as melhores atrações turísticas na Irlanda que separamos entre gratuitas e pagas!


Melhores atrações pagas na Irlanda

A Guinness Storehouse, na cidade de Dublin, é uma divertida opção de lugar para visitar na Irlanda. Lá, é possível ver como são produzidas as cervejas, degustar uma deliciosa pint (medida de cerveja). Você também pode apreciar outras atrações, como o Gravity Bar e o Temple Bar, enquanto deleita os olhos com uma maravilhosa vista de toda Dublin.



Depois, você não pode deixar de conhecer os Cliffs of Moher, que são penhascos fantásticos que foram desenhados pelo mar e se encontram na cidade de Galway, uma pequena cidade interiorana e charmosa no Condado de Clare. Ainda em Clare, é possível se divertir no Wildlife Park e conhecer o Blarney Castle, ambos próximos de Cork City.


Se você gosta de observar animais como tartarugas, pinguins, tubarões, estrelas do mar e golfinhos, certamente vai adorar visitar o Dingle e o Ocean World Mara Beo. No primeiro, é possível fazer passeios de barco até o Fungie, um adorável golfinho muito famoso que costuma ir até os barcos – se o Fungie não for, o passeio sai grátis. Já no Ocean World Mara Beo, um dos maiores aquários da Irlanda, você poderá durante todo o dia observar as mais diversas espécies de animais marinhos.


Melhores atrações gratuitas na Irlanda

Nesse destino da semana também é possível conferir uma série de atrações gratuitas, afinal a Irlanda possui muitas belezas naturais por onde se olha.

A cerca de 100 quilômetros de Dublin, encontra-se Kilkenny. Por lá, você poderá fazer um passeio pelo Kilkenny Castle, um dos mais famosos da Irlanda, com jardins abertos ao público e a possibilidade de passeio autoguiado pelo interior do castelo.


Depois, ainda em Kilkenny, você pode passar para conhecer a St. Canice’s Cathedral, que foi construída no início do século VI e tem uma bela torre ao seu lado que permite uma vista maravilhosa de toda a cidade.

Em Galway, você pode andar pelo centro histórico da cidade, que rende um passeio muito agradável. Por lá, você poderá conhecer o Eyre Square, um parque muito popular, conhecer o The Latin Quarter, fazer compras, visitar os teatros da Quay Street e ainda fazer aquela pausa para uma bebida no The King’s Head Pub que é simplesmente o mais antigo e famoso bar da cidade, além de ser patrocinado pela cervejaria Guinness.

E então, gostou de conhecer o destino da semana que preparamos para você? Deixe o seu comentário para nós aqui embaixo!

Desejando conhecer opções de pacotes de intercambio para Irlanda? visite www.bex.tur.br

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Dicas de convivência em casa de família anfitriã



Todo nós temos um período em nossas vidas onde ficamos hospedados na casa de alguém: pode ser na casa de praia de um amigo, para passar alguns dias na casa de algum parente, para passar um tempo até se estabelecer em uma nova cidade ou mesmo durante um intercambio cultural.

Ao conviver com a própria família é comum já surgirem algumas situações embaraçosas e estressantes, imagine então quando a casa não é de nossos pais, por exemplo?

Para que a relação com as pessoas que vivem debaixo do mesmo teto que você seja harmoniosa e saudável para todos, é importante que algumas regras e limites sejam obedecidos – principalmente pelo hóspede.

Por isso, continue a sua leitura e confira as dicas de convivência em casa de família anfitriã que preparamos para que você e os anfitriões possam ter a melhor experiência possível durante a sua hospedagem!

 
Pergunte antes de usar

Lembre-se sempre que você não esta na sua casa de verdade e sim apenas ocupando temporariamente um quarto na casa dessa família, seja ela voluntaria o cobrando um aluguel. Portanto, antes de usar qualquer outro espaço da casa, como um escritório, outros quartos, etc., ou algum equipamento ou eletrodoméstico, como maquina de lavar roupa, computador, televisão, etc., peça permissão e instrução de como usar, para evitar situações embaraçosas ou menos ate quebrar algo. A primeira e melhor dica é conversar sempre!

Tenha o máximo de respeito pela família anfitriã

Sem dúvidas, uma das dicas de convivência em casa de família anfitriã que é mais importante, é o respeito. E esse respeito não se resume apenas em ser educado ao conversar e seguir as regras da casa, mas também envolve conversar com as pessoas e não se fechar em um canto, manter o ambiente organizado, colaborar nas tarefas da casa, mostrar-se prestativo perguntando sempre se há algo em que você possa ajudar e ajudar também na hora de cobrir os gastos são boas maneiras de mostrar que você respeita a família que está lhe recebendo, bem como a casa dela e se sente grato pela hospitalidade.

Mais uma de nossas dicas de convivência em casa de família anfitriã é, ao chegar, leve um presente. Essa é uma das mais claras maneiras de mostrar o seu apreço pela generosidade de quem está lhe recebendo.

Pontualidade no exterior é levada a sério.

É muito importante ser pontual com a sua hospedagem, ou seja, se você combinou que chegaria num determinado dia em uma determinada hora, chegue conforme o que foi combinado – não pegue as pessoas de surpresa e não as deixe esperando por você. O mesmo vale para a hora de ir embora, se você combinou que ficaria hospedado por sete dias, por exemplo, não ultrapasse esses sete dias a menos que os donos da casa lhe convidem para ficar mais um pouco. Certifique-se sobre possíveis custos de noites extras.
 
Reveja suas atitudes em casa

Outro ponto muito importante nas dicas de convivência em casa de família anfitriã é quanto à forma como nos comportamos e agimos em casa. Por mais que você vá passar um bom tempo na casa dessa família e que eles tenham lhe dito para “ficar à vontade” tenha muito cuidado com o quão à vontade você ficará.

 Pense bem em tudo o que você faz no conforto da sua casa e reveja suas atitudes. Você é fumante e fuma dentro de casa? Nem pense em fazer isso na casa da família anfitriã! Você tem o costume de ficar largado no sofá assistindo TV e comendo pipoca? Deixe para fazer isso apenas no conforto da sua casa no Brasil, a não ser que a família anfitriã esteja fazendo e lhe convide. 

 
Observe e adapte-se ao novo ambiente

Para uma boa convivência com seus anfitriões é importante se adaptar ao estilo de vida e rotina deles. Não fique na cama até às dez horas da manhã se lá todo mundo levanta às sete para o café da manhã. Não deixe suas coisas bagunçadas, não mexa em nada que não seja seu e ajude a poupar gastos como energia elétrica, água e etc. Afinal, quem recebe gente em casa sabe: um hóspede já é capaz de fazer as contas subirem consideravelmente. 
 

Esse é um ponto muito interessante nessas dicas de convivência em casa de família anfitriã porque lhe oferece a oportunidade de desenvolver novas habilidades como adaptabilidade, flexibilidade, resolver conflitos, negociar e ser tolerantes com o diferente e novo. Dessa forma você voltará do seu intercâmbio uma pessoa mais amadurecida e preparada para o mundo!

Tem mais alguma dica ou deseja comentar? Deixe um comentário e boa viagem!
Deseja conhecer as opções de pacotes de intercâmbio da BEX? Acesse www.bex.tur.br

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Espanha: tudo que você precisa conhecer !




O destino da semana é a Espanha, um país com mais de 20 séculos de história! Com legados dos povos romano, celta, árabe e muitos outros, o país possui marcas bem características em sua cultura e gastronomia. Inclusive, nos dias de hoje, a Espanha possui um profundo respeito por suas tradições.

Terra de Dom Quixote, de uma maravilhosa culinária, de incríveis castelos e de grandes museus, a Espanha é certamente um lugar que ninguém deveria deixar de conhecer. 

 Continue a sua leitura e conheça um pouco mais sobre a cultura espanhola e o que tem de tão interessante para conhecer nesse destino da semana!


Arquitetura imponente

Os apaixonados por arquitetura vão amar conferir nesse destino da semana o estilo clássico da Catedral de Barcelona e “A Sagrada Família”, uma catedral imensa que foi projetada pelo famoso catalão Antonio Gaudi. Sua construção iniciou-se em 1882 e calcula-se que ela só será terminada próximo de 2026!

"A Sagrada Família"

 A poucas horas de trem de Barcelona está Valência e vale a pena dar uma esticada até lá para conhecer essa cidade que foi fundada pelo povo romano em 138 A.C. Lá é possível conferir mais um pouco da arquitetura gótica na Catedral de Valência, dedicada a Santíssima Virgem Maria. Outros pontos importantes na cidade são a Basílica e a praça de la Virgem, dedicada à Nossa Senhora de los Desamparados, a Paróquia San Nicolas e o Palácio da Generalitat com seu salão dourado e o teto todo entalhado em madeira.

Em Madrid encontra-se o Palácio Real de Madrid, moradia do Rei da Espanha e maior de toda a Europa com mais de 4 mil quartos! A cidade conta ainda com vários monumentos como a Puerta de Alcalá e várias praças e parques muito movimentados para passear.

  Palácio Real de Madrid
 
Bem pertinho de Madrid no destino da semana encontra-se Salamanca com suas ruelas que serpeiam toda a cidade. A imponente Catedral Vieja em Salamanca também atrai muitos turistas devido à sua estrutura riquíssima em detalhes que chamam muita atenção.




Catedral Vieja

 Logo adiante, em Sevilha, é possível conferir lugares e monumentos incríveis como o Real Alcazar que abriga os mais antigos palácios europeus, o Metropol Parasol com uma moderníssima estrutura e a Catedral de Sevilla e La Giralda, que é a maior catedral gótica do mundo.


Cultura rica e passeios incríveis

Além da riqueza arquitetônica, a Espanha oferece uam variedade de atrações turísticas. Em Barcelona, você pode dar um passeio pela Plaza de Catalunya, que é cercada de prédios famosos dos anos 20 e 30, com um jardim belíssimo com flores e estátuas, localizado bem no coração da cidade. Conhecer a Fonte Mágica de Montjuic com performances incríveis todas as noites e finalmente perder o fôlego com a vista da cidade no Parc Guell.

A Espanha ainda é lar de muitos museus famosos, como o Museu Miró, Museu Picasso e Palau Nacional, um antigo palácio que hoje abriga o Museu Nacional de Arte da Catalunha – ambos em Barcelona –, o Museu del Prado em Madrid e o belíssimo Palácio del Marqués de Dos Aguas, que atualmente é o Museu da cerâmica em Valência.

 Palau Nacional

Quem deseja conferir um pouco da história e da cultura espanhola não pode deixar de visitar Las Ventas, em Madrid, a maior praça de touros do país e segunda maior do mundo. Construída no ano de 1931, suas paredes contam com riquíssimos traços históricos. Lá você poderá assistir às touradas, um evento muito importante por lá.

Uma das atrações mais procuradas em Sevilla são os tablaos, onde os turistas assistem à dança flamenca e apreciam as tapas, pequenas porções de comidas típicas. Os passeios podem ser feitos às margens do rio Guadalquivir, lugar perfeito para um passeio romântico ou relaxar apreciando o movimento ou uma boa leitura.

Tablao em Sevilla

Na cidade de Salamanca, um lugar que chama muito a atenção é a Plaza Mayor, que é considerada por muitos tão linda quanto a de Madrid e mais rica em detalhes.

Plaza Mayor

A Espanha é repleta ainda de muitas outras atrações além dessas. É preciso mais do que um dia apenas em cada uma dessas cidades para conferir tudo o que elas têm a lhe oferecer.

E então, gostou de conhecer o destino da semana que preparamos para você? Deixe o seu comentário para nós aqui embaixo!
Desejando conhecer opções de pacotes de intercambio para Espanha? visite www.bex.tur.br